Jeito de DeusCerta ocasião um famoso e leproso general da Síria soube que poderia ser curado de sua enfermidade pela intervenção do profeta Eliseu. Por este motivo ele foi ao encontro do profeta e imaginava consigo mesmo “certamente ele sairá, por-se-á em pé, e invocará o nome do Senhor, seu Deus, e passará a sua mão sobre o lugar, e restaurará o leproso” (2 Reis 5.11). Entretanto, para decepção daquele oficial, o profeta Eliseu nem sequer foi ao seu encontro, mas mandou-lhe um mensageiro dizendo “vai, e lava-te sete vezes no Jordão, e a tua carne te tornará, e ficarás purificado” (2 Reis 5.10).
Aquela mensagem muito aborreceu aquele general a ponto dele pôr-se a caminho de volta à Síria. Por fim, convencido pelos seus criados, o general Naamã mergulhou no Jordão sete vezes e ficou purificado (2 Reis 5.13,14). Alcançou a bênção tão desejada!
Este episódio nos revela que nem sempre a solução para nossos problemas e aflições será alcançada da maneira que imaginamos. Especialmente quando se trata do maior problema da humanidade – o pecado – aí então que, com certeza, a solução jamais virá pela via humana. Neste caso nossos bens, nossas boas obras, as religiões, os guias espirituais, as oferendas, os pactos, etc., enfim, toda nossa bondade e religiosidade não são suficientes para nos salvar, como disse o salmista que a confiança em nossa fazenda, na multidão de nossa riqueza pode nos resgatar “pois a redenção da alma é caríssima e nossos recursos esgotariam antes” (Salmo 49.6-8). Dessa forma precisamos do socorro divino, precisamos da solução do jeito de Deus.  

Logo após a queda, conscientes de que haviam pecado contra Deus e de que estavam nus, Adão e Eva usaram folhas de figueira para taparem sua nudez e tentaram esconder-se da presença do Senhor Deus entre as árvores do jardim (Gênesis 3.7,8). Era a “solução” humana para um grandioso problema. Às vezes as “soluções” que damos para nossos problemas chegam a ser ridículas. Quem consegue esconder-se da presença de Deus? Pior ainda, às vezes nos acomodamos em nossas “soluções” e não buscamos a verdadeira resposta para nossos dilemas aos pés do Criador. Naquela ocasião o Senhor Deus sacrificou um animal, uma vítima inocente, e com sua pele fez túnicas para cobrir a nudez do casal (Gênesis 3.21). Aquele gesto divino indicava que a solução para o problema arranjado pelo homem exigiria o sacrifício de uma vítima inocente.
Jesus é a solução do jeito de Deus para o problema do pecado humano. Ele que é Deus, sem deixar de sê-lo, também se fez homem e, nessa condição, sem jamais pecar, mas como vítima inocente tomou sobre si os nossos pecados e ofereceu-se para morrer em nosso lugar. A morte não o venceu, mas ele triunfou sobre ela ressuscitando ao terceiro dia. Ele é “Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo” (João 1.29). Por isto ele nos convida “vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu ovos aliviarei ... encontrareis descanso para vossa alma” (Mateus 11.28,29).
Retornando ao caso de Naamã lemos no texto sagrado ele procurara Eliseu, o profeta do Senhor, para resolver um problema de ordem física (a enfermidade da lepra); contudo, após o milagre ele expressou-se dizendo “eis que tenho conhecido que em toda terra não há Deus, senão em Israel” (2 Reis 5.15) e, desta forma quebrantado e reconhecendo o Deus de Israel ele teve a solução para seu problema do pecado reconciliando-se com o Criador. Tudo do jeito de Deus e não segundo as ideias preconcebidas do general sírio.
Amigo, a solução do jeito de Deus não é complicada, ao contrário, é simples e exige de nós tão somente crermos n’Ele. Como, então, ter a solução do pecado que aflige tua alma? Tão somente creia que Deus te ama, que já providenciou a solução do jeito d’Ele para te dar vida eterna, creia em Jesus Cristo como teu Salvador e Senhor, viva em comunhão com Ele e viva em paz com Deus. E a Igreja pastor, eu não preciso ser um religioso? você me perguntaria. A resposta d’Ele também é simples. Ele fundou a Igreja, não como uma instituição religiosa, mas como um local de reunião e comunhão daqueles que creram n’Ele e se prontificam a falar d’Ele a todo mundo até que Ele volte e nos leve para a glória eterna. E então? Vamos caminhar juntos com Cristo? Deus te abençoe!

Facebook

Login

Contatos

Para maiores informações, por favor, entre em contato:

 O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
 (21) 2413-5000
Rua Artur Rios, 805 - Augusto Vasconcelos, RJ. 

Rádio RADIO ADAV - On Line

Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Augusto Vasconcelos