SUBIDA PARA JERUSALÉM CELESTIAL (4ª PARTE)

QUARTA PARTE
Imagem1XII – SALMOS 131 - 12° POEMA DE SUBIDA: 
Tema Contextualizado: A Subida em Humildade, Sem Obstáculo à Graça Divina
“Senhor, o meu coração não se elevou... não me exercito em grandes assuntos, nem em coisas muito elevadas para mim”
O peregrino cristão sabe que “a graça do Senhor se há manifestado trazendo salvação a todos os homens” (Tito 2.11). Assim sendo, após o tropeço anterior, ele não se exalta permitindo que seu coração se eleve (v.1). Ao contrário, depois da confissão, e após manter-se calado esperando no Senhor (v.2), ele recebeu o perdão e o renovo do céu.
Agora, uma vez socorrido pelo Senhor, o caminhante se dispõe humildemente a continuar sua jornada e sempre aguardando na graça de Deus, tal como uma criança dependente do leite materno (v.2). Ele compreendeu que nunca poderá confiar em si mesmo pois “a soberba precede a ruína, e a altivez do espírito precede a queda” (Provérbios 16.18). Desta forma ele avança. Os obstáculos naturais permanecem, mas eles não são páreo para a graça de Deus.
Fica claro para qualquer caminhante à glória celestial que a humildade, quebrantamento e total dependência da graça divina são ingredientes indispensáveis para uma jornada segura.
 
XIII – SALMOS 132 - 13° POEMA DE SUBIDA: 
Tema Contextualizado: A Subida com Zelo na Casa de Deus e Cumprimento dos Votos
“Lembra-te, Senhor, de Davi e de todas as suas aflições .... Como jurou ao Senhor e fez votos ao Poderoso de Jacó”
A subida é árdua mas a visão aguçada pela fé de que a glória que se aproxima é prazerosa. Sim, à medida que avança o cristão peregrino contempla com mais nitidez a glória que lhe está reservada.
Enquanto sobe o viajante cristão, de forma zelosa e comprometida com seu Senhor, faz votos a Deus. Jura fidelidade e promoção da glória da Casa de Deus (v.2-5), ainda que isto lhe traga aflições na jornada (v.1).
Pensando assim

SUBIDA PARA JERUSALÉM CELESTIAL (3ª PARTE)

TERCEIRA PARTEImagem1
 
VIII – SALMO 126 - 7º POEMA DE SUBIDA: 
Tema Contextualizado: Adoração ao longo da Jornada
“Quando o Senhor trouxe do cativeiro os que voltaram a Sião, estávamos como os que sonham”
O cristão avança em sua jornada rumo à Canaã Celestial e, numa rápida visão retrospectiva, ele nota a enorme diferença entre a terra do cativeiro (o mundo) onde fora prisioneiro do tirano opressor (Satanás), e a gloriosa Sião (v.1). Era como um sonho! Isto o faz o louvar ao seu libertador (o Senhor dos Exércitos); aliás, o louvor passa a ser uma tônica na vida do cristão. A gratidão enche seu ser de riso, louvor e cânticos de adoração ao seu Deus (v.2a).
Sua alegria é tão contagiante que, até os que estão de fora (os inconversos) reconhecem: “grandes coisas fez o Senhor a estes” (v.2b). De fato! Vibra o cristão: “grandes coisas fez o Senhor por nós, e, por isso, estamos alegres” (v3).
Consciente de sua salvação o cristão vê aqueles que, um dia, estiveram nessa mesma estrada em direção ao céu mas, por desafortunada falta de vigilância, saíram do caminho; então, compadecido e empático sente suas (deles) desventuras como se fora dele (cristão), daí suplica ao Senhor para que os faça regressar (v4). 
Assim, seu louvor leva-o a comprometer-se com a semeadura do Evangelho, ainda que seja com lágrimas e, numa antevisão gloriosa, contempla uma grande colheita de almas para seu Senhor (v.5,6). Concluímos que a adoração e o serviço fazem do crente alguém ímpar no Reino de Deus.
 
IX – SALMOS 127 e 128 - 8º e 9° POEMAS DE SUBIDA: 
Tema Contextualizado: Subindo Para Sião Com a Família
“Se o Senhor não edificar a casa, em vão trabalham os que edificam... Bem aventurado aquele que teme ao Senhor e anda nos seus caminhos”
Chama-nos a atenção o fato de os Salmos 127 e 128 ocuparem posição central dentre os quinze poemas das subidas; e ainda, chama-nos também a atenção o fato de que

SUBIDA PARA JERUSALÉM CELESTIAL (2ª PARTE)

SEGUNDA PARTE
 Imagem1IV – SALMO 122 - 3º POEMA DE SUBIDA: 
Tema Contextualizado: O Aprendizado Cristão
“Alegrei-me quando me disseram: Vamos à Casa do Senhor!”
Na jornada rumo à Jerusalém Celestial o caminhante cristão reconhece que, além da proteção indispensável providenciada pelo Senhor (Salmo 121), ele precisa comungar com os demais caminhantes, por isto alegra-se quando vai à Casa do Senhor, o santuário, a templo onde se reúne a Igreja (v.1).
A Igreja é corpo de um organismo vivo, formado pelos caminhantes à Jerusalém Celestial, animado e avivado pelo Espírito Santo e onde a cabeça é Cristo. É também o lugar de reunião dos salvos para comunhão e adoração a Deus. 
O cristão reconhece, tão logo entra nessa caminhada santa, que precisa conhecer os Estatutos Celestiais; por isto ele se alegra quando vai à Casa do Senhor para receber instrução doutrinária, à Escola Bíblica Dominical, aos cultos de adoração e louvor, à oração, quando leva alguém ao conhecimento de Cristo, quando contribui para a causa evangelística e missionária, quando participa dos empreendimentos da Igreja, etc.
É altamente significativo como Deus encaminha o seu povo na jornada, dando sempre exemplos e modelos para que ninguém erre o caminho. Isto aconteceu no Antigo Testamento (na construção da Arca de Noé, no modelo do Tabernáculo, no modelo do Templo, etc.) e também acontece no Novo Testamento quando apresenta o modelo da Igreja para que não sejamos ignorantes. Isto porque a ignorância mantém o povo cativo nas trevas do engano e à mercê das falsas doutrinas.
O cristão sente-se firme tendo seus pés fincados na Casa do Senhor (v.2) que, numa antevisão futurista, é a sua Jerusalém. Ele reconhece que os Estatutos de Sião são elevados e a ele concorrem todos os povos (v.4) porque ali estão os juízos de Deus (v.5). Consciente da excelência de Sião o caminhante cristão ora e trabalha para que haja paz na Casa do Senhor, para seu bem e de seus irmãos (v.6-9).
Desta forma podemos concluir que

Facebook

Login

Contatos

Para maiores informações, por favor, entre em contato:

 Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
 (21) 2413-5000
Rua Artur Rios, 805 - Augusto Vasconcelos, RJ. 

Rádio RADIO ADAV - On Line

Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Augusto Vasconcelos